A Relação entre Frio e Resfriado

Postado por Flávio Coutinho - 7 de novembro de 2013 - Doenças - Nenhum Comentário

a-relacao-entre-frio-e-resfriado-2

Todas as avós e mães do mundo sem dúvida alguma tem este tipo de preocupação com seus netos ou filhos. São conselhos que normalmente acabam sendo levados como tradição familiar, apesar disto muitas vezes este tipo de conceito é indefinido. Se pegar frio fizesse mal, podemos dizer que os processos de seleção natural não teria de forma alguma privado as pessoas de companhias de pessoas que vivem em lugares frios como por exemplo os noruegueses, suecos, esquimós, canadenses, entre vários outros povos que vivem diariamente dias gelados. Todas as crendices populares de que o frio e o vento acabam provocando doenças no aparelho respiratório talvez seja algo muito fácil de se entender ou de se explicar. Sem contar com a ideia que existiam vírus, fungos, bactérias, entre outros, os antepassados achavam até mesmo algo com fundamento atribuir gripes e resfriados que sempre aconteciam com uma maior quantidade de vezes durante o inverno, associando isto a toda a exposição do corpo para as temperaturas mais baixas.

Muitos pacientes espirram ou ainda tem problemas de coriza quando são expostos de forma repentina ao frio, e os sintomas de alergias e rinites também acontecem, o que certamente confundia os nossos bisavós com um resfriado comum.

Os Estudos Realizados sobre o Assunto

a-relacao-entre-frio-e-resfriado-14

Foi somente a partir do ano 50 que começaram a ser realizadas umas série de pesquisas que pudessem avaliar toda a influência da temperatura no que diria respeito a gripes e resfriados, e ainda outros tipos de infecções diferenciadas existentes em vias aéreas. Foram utilizadas como parte destes estudos, voluntários que eram divididos em grupos diferentes, onde alguns participavam e passavam por uma boa quantidade de tempo em ambientes de calefação, sem que se expusessem á neve e também a chuva. Em um segundo grupo os participantes seriam por sua vez expostos diretamente para a chuva, para a neve e ventos congelados. Toda esta preparação jamais mostrou que toda a exposição a trocas de temperaturas pudesse aumentar a possibilidade de infecções de tratos respiratórios. E ao contrário existem também vários pesquisadores que encontraram pequenas ocorrências entre as gripes e os resfriados das pessoas que eram mantidas em ambientes fechados.

Sobre as Gripes e Resfriados

a-relacao-entre-frio-e-resfriado-1

Sem dúvidas, já foi até mesmo comprovado cientificamente que vários tipos de infecções respiratórias são consideradas como doenças infecciosas provocadas por diversos agentes microbianos que tem uma preferência pelo aparelho respiratório. Eles que chegando aos pontos da mucosa do nariz começam a se multiplicar. E a presença de um agente de tempo é fundamental, ou seja, tudo dependerá do metabolismo, e independente disto, podemos sair na neve sem camisa, chupar picolés no sol o dia inteiro que nada irá acontecer além é claro de podermos sentir frio. A explicação para uma maior quantidade de infecções consideradas respiratórias nos meses de inverno é que existe uma grande aglomeração de pessoas em lugares que tenham janelas e portas fechadas para se proteger do frio. Os ambientes são mal ventilados e toda a proximidade com as pessoas facilita uma transmissão de vírus e bactérias umas para as outras, o que inclui até mesmo a influência do ar condicionado.

Veja Alguns Mitos entre o Frio e o Resfriado

a-relacao-entre-frio-e-resfriado-11

Se você está com gripe pare de uma vez por todas de culpar o frio e o picolé por isso

O Sorvete, Causa Resfriado?

Se você comeu sorvete e ficou doente é porque já estava com o vírus. É interessante citar que o gelado intenso poderá irritar a sua garganta, mas isto apenas acontece quando a pessoa tiver algum tipo de infecção. E com isto se a inflamação for bastante intensa poderá irritar a garganta, mas isto acontece apenas quando alguém tiver algum tipo de infecção. E com isto se a inflamação for bastante intensa, o sorvete poderá até diminuir a dor, como por exemplo quando as pessoas fazem cirurgias de sisos ou ainda de amídalas.

a-relacao-entre-frio-e-resfriado-7

O Mito de Tomar Vacina Contra a Gripe, que Poderá Provocar a Doença

Esta é uma grande besteira, as vacinas existentes com gripe são feitas de vírus considerados inativados e toda a sua característica é não simular um tipo determinado de doença, como outros tipos de vacina. Caso a pessoa tenha ficado doente depois disto é porque acabou fincando contaminada com outro tipo de vírus que não existia na sua respectiva vacina. As gripes, resfriados, e uma série de outras doenças poderão ser causadas por vários tipos de problemas.

A Gripe e o Resfriado são a Mesma Coisa?

De forma alguma, os dois acabam provocando uma indisposição mas a gripe tem sintomas bastante agressivos, como por exemplo a febre alta, a falta de ar, o cansaço e ainda dores intensas no corpo. Em alguns caso determinados é possível se levar o problema a pneumonia e até a morte. Ou seja, a gripe poderá colocar a pessoa de cama para valer, e o resfriado faz a pessoa ficar deitada só para enrolar que está doente.

Ar Condicionado Gera Problemas de Gripe e Respiratórios?

Podemos dizer que a exposição em ar condicionados acabam sim favorecendo todo o aparecimento de infecções respiratórias consideradas agudas, apesar disto não pelo fato da temperatura baixa em sai no ambiente, já que o ar quente pode gerar o mesmo problema, mas sim porque o ar condicionado acaba desidratando o ar ressecando assim o muco que reveste as mucosas nasais. Com isto todo o ressecamento da superfície respiratória acaba destruindo os anticorpos e ainda enzimas que poderão atacar germes que sejam invasores, gerando assim uma boa predisposição para as infecções.

Com isto temos um pouco da relação entre o frio e os resfriados bem como os mitos sobre esta situação que acaba por ser considerada totalmente desfeita, não existe nenhuma relação com climas frios e resfriados, mas sim com outros problemas respiratórios, estes que poderão posteriormente ocasionar problemas respiratórios sim. Por isso é importante ter atenção, caso você esteja com gripe, por mais de uma semana seguida, procure por ajuda médica para que possa ser diagnosticado o problema que você possui realmente.

 

 

 

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *