A Pizza: Saiba Como Essa Delícia Surgiu

Postado por Flávio Coutinho - 18 de abril de 2014 - Comidas - Nenhum Comentário

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-4

A pizza nada mais é do que uma preparação culinária que consiste em um tipo de disco de massa fermentada de farinha de trigo, esta massa é totalmente coberta de molho de tomate e os ingredientes variados que normalmente poderão incluir algum tipo de queijo, carnes que sejam preparadas ou mesmo defumadas e ervas. Normalmente alimentos como o orégano ou ainda manjericão são colocados na massa e tudo é assado no forno, esta é uma delícia e que ninguém irá resistir, por isso confira a seguir a história da pizza, pois você provavelmente irá se surpreender.

Primeiro um Pouco de História

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-2

A história da pizza começa com os egípcios, e se acredita que eles foram os primeiros a misturar a farinha com água. Outros historiadores acreditam que os pioneiros desta receita são os gregos, os gregos faziam uma massa que seria a base de farinhas de trigo, arroz ou ainda grão de bico e ainda as assavam em tijolos quentes. Com isto a novidade acabou indo parar na região de Etrúria na Itália. O contrário de todos os conhecimentos populares e ainda do fato de ser considerada tipicamente italiana, tanto os babilônios, os hebreus e também os egípcios já acabavam misturando o trigo e o amido além da água para assar em fornos rústicos há mais de 5 mil anos. Toda a massa era chamada de pão de abraão, e era bastante parecida com os pães árabes atuais existentes, recebendo assim um nome de piscea. Os povos fenícios, de três séculos antes de Cristo tinham um costume de colocar coberturas de carne e de cebola no pão, já os turcos muçulmanos acabavam adotando todos estes costumes durante a Idade Média e por causa de suas cruzadas, com isto esta prática acabou chegando na Itália através do porto de Nápoles sendo assim seguidamente incrementada dando uma origem para a pizza que conhecemos atualmente.

Os Primeiros Passos da Iguaria

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-5

Em seus primeiros momentos somente ervas regionais e ainda o azeite de oliva eram comuns no dia a dia da região, estes eram ingredientes considerados típicos da pizza. Os italianos ainda foram os que acrescentaram os tomates, este que foi descoberto na América e levado para a Europa pelos conquistadores espanhóis. E por isso nesta época a pizza ainda não contava com seu formato característico, ele que é redondo como conhecemos atualmente, mas sim dobrada ao meio, e feito um sanduíche ou ainda um tipo de calzone. A pizza ainda era um alimento de pessoas bastante humildes do sul da Itália, e quando próximo do começo do primeiro milênio acabou surgindo o termo picea, na cidade de Nápoles que era considerada como o berço da pizza, a chamada Picea acabava indicando um disco de massa assada com todos os ingredientes por cima. Ela era servida com ingredientes que eram baratos por ambulantes e a receita tinha o objetivo principal de matar a fome, principalmente das partes mais pobres da população. Normalmente a massa de pão acabava recebendo como cobertura toucinho, peixes fritos e ainda queijos.

Como a Receita Ficou Famosa

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-1

A fama da receita começou a correr em todo o mundo e fez surgir a primeira pizzaria que se tem notícia a chamada  Port’Alba, este que era ponto de encontro de diversos artistas famosos da época como Alexandre Dumas, este que citou várias vezes em suas obras pizzas. A pizza acabou chegando ao Brasil da mesma forma, através de imigrantes italianos e atualmente poderá ser encontrada facilmente na maior parte das cidades brasileiras. Até meados dos anos 50 era bastante comum ser encontradas em meio a colônias italianas sendo consideradas assim praticamente parte da cultura deste país. E desde o ano de 1985 se comemora o dia da pizza no dia 10 de julho. Foi então na região do Brás, no bairro paulistano de todos os imigrantes italianos que as primeiras pizzas começaram a ser vendidas no Brasil, onde dom Carmenielo, dono da já extinta Cantina Santa Genoveva, instalada na esquina da Avenida Rangel Pestana com a Rua Monsenhor Anacleto, acabou inaugurando em 1910 e passou a oferecer todas as primeiras pizzas da cidade.

A Disseminação da Receita pelo Brasil

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-3

Pouco a pouco a pizza começou a se disseminar pela cidade de São Paulo, sendo assim abertas novas cantinas, com isto as pizzas acabaram ganhando coberturas cada vez mais diferenciadas e até mesmo criativas. E no principio seguindo a tradição italiana, as pizzas de mussarela e ainda anchova eram as preferidas. Mas aos poucos à medida que as hortaliças e embutidos começaram a se tornar mais acessíveis no país toda a criatividade dos brasileiros trouxe as mais diversas pizzas para os usuários.

A Verdadeira Receita de Pizza Napolitana

a-pizza-saiba-como-essa-delicia-surgiu-6

Foi durante o ano de 1982 que foi fundada na cidade de Nápoles na Itália por Antonio Pace toda a associação da verdadeira pizza napolitana, a chamada Associazione Verace Pizza Napoletana, com a missão de promover toda a culinária e ainda a tradição da pizza napolitana, defendendo até mesmo um purismo e a sua cultura, procurando a resguardar contra toda a miscigenação cultural que deverá sofrer a sua receita. Com todo o estatuto preciso, acabou definitivamente normatizando todas as suas principais características. Toda a associação existente age de forma totalmente forte na Itália para que a pizza napolitana possa ser totalmente reconhecida através do governo como DOC. Foi durante o ano de 2004 que um projeto de lei foi encaminhado aos parlamentos com o intuito de regulamentar e por lei todas as verdadeiras características da pizza napolitana. Com isto o DOC nada mais é um tipo de designação que acaba regulamentando uma série de produtos considerados regionais como os vinhos portugueses muito famosos. A pizza napolitana está protegida pela Comissão Europeia junto com mais de 44 produtos que tem uma especialidade tradicional garantida como sendo assim considerada como uma das maiores iguarias de todas existentes na Europa. A grande variedade de coberturas também é reconhecida pela organização, apesar disto deverão ter toda a sua aprovação levando em conta toda a conformidade com as tradições consideradas napolitanas e ainda não contrastando com nenhum tipo de regra gastronômica vigente.

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *